Tipos de Implantes Dentários

Entenda-se como implantes dentários um elemento cirurgicamente colocado no osso capaz de funcionar como raiz artificial, cujo objectivo é o suporte das estruturas que substituem estética e funcionalmente partes da sua dentição.

Atualmente a vasta maioria dos implantes são feitos de titânio. Este material torna-se ideal para o efeito uma vez que é anticorrosivo, praticamente não-magnético e, acima de tudo, o corpo humano não o reconhece nem o rejeita como um objecto estranho.

tipos_de_implantes

Pelo contrário, uma vez colocado, o osso irá crescer em torno dele, unindo-o assim à sua estrutura óssea num processo chamado osteointegração.

Assim sendo, existem dois tipos principais de implantes dentários:

  • Endosteal (no osso): O tipo de implante mais comum, sendo a principal alternativa para pacientes com pontes ou próteses removíveis;
  • Subperiosteal: Adequado para pacientes incapazes de utilizar dentaduras convencionais e cujo altura óssea é mínima.

Os implantes osteointegrados são cirurgicamente implantados no osso. Estes possuem um período de integração médio de 4 a 6 meses consoante a região na qual é colocado. Por norma, a coroa do dente não é colocada antes que o implante e o osso se tenham fundido.

No entanto, existem casos nos quais são colocadas coroas temporárias por motivos puramente estéticos.

Caso esta necessidade não se verifique, á dado o período de “cura” e posteriormente é realizada uma segunda intervenção na qual se conecta um dente artificial ao implante, ou agrupado numa prótese de um de dois tipos:

  • Prótese total implantosuportada e implantoretida: fixa sobre 4 a 8 implantes. Este tipo de prótese é aparafusada e retirada apenas pelo médico dentista;
  • Prótese Overdenture: Prótese total e removível sobre o implante. Estas são confecionadas em resina tal e qual um dentadura, no entanto, possuem um encaixe que conecta os implantes à prótese de forma a conferir maior estabilidade e retenção.

Ainda assim, cada caso é um caso, como tal recomendamos sempre o aconselhamento junto do seu médico dentista.

Leave a Reply